BIBLIOMETRIA: ANÁLISE QUANTITATIVA DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA SOBRE O TELETRABALHO E SUAS CONTRIBUIÇÕES PARA O DESENVOLVIMENTO REGIONAL BRASILEIRO

  • Matheus Oliveira da Silva
  • Lenilson Vidal de Souza
  • Marcellus Henrique Rodrigues Bastos

Resumo

Objetivo: Este trabalho tem por finalidade realizar uma análise quantitativa e bibliométrica do teletrabalho, também denominado como trabalho remoto, e sua contribuição para o desenvolvimento regional, bem como sua produção científica. Materiais e Métodos: Foi realizada uma análise bibliométrica, sob periódicos disponíveis na base da SciELO, de forma a identificar o índice de produção científica sobre o teletrabalho. Conclusões: Conclui-se que a taxa de produção científica sobre o teletrabalho vem cada vez mais aumentando, tendo como base o avanço tecnológico e métodos de trabalho, bem como o aumento do índice de desemprego, gerando a necessidade de buscar novas alternativas de trabalho.

Biografia do Autor

Matheus Oliveira da Silva

Graduando do curso de Administração do Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (CEFET).

Lenilson Vidal de Souza

Mestre em História Social e Professor de Produção Textual do Centro Universitário de Valença (UNIFAA).

Marcellus Henrique Rodrigues Bastos

Mestre em Administração pela Universidade Federal Fluminense – PPGA UFF VR. Professor EBTT
no Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca – CEFET/RJ – Campus
Valença.

Publicado
2020-01-22
Como Citar
DA SILVA, Matheus Oliveira; DE SOUZA, Lenilson Vidal; BASTOS, Marcellus Henrique Rodrigues. BIBLIOMETRIA: ANÁLISE QUANTITATIVA DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA SOBRE O TELETRABALHO E SUAS CONTRIBUIÇÕES PARA O DESENVOLVIMENTO REGIONAL BRASILEIRO. Saber Digital, [S.l.], v. 12, n. 2, p. 1-16, jan. 2020. ISSN 1982-8373. Disponível em: <http://revistas.faa.edu.br/index.php/SaberDigital/article/view/785>. Acesso em: 29 fev. 2020.
Seção
Administração